sw280497
top of page

Qual a sua uva? A Cabernet Sauvignon

Conhecida como a rainha das uvas tintas, a Cabernet Sauvignon é a uva mais cultivada no mundo para produção de vinho. Esta casta origina vinhos potentes e com grande potencial de guarda.

É originária de Bordeaux, na França. Suas uvas têm a casca grossa e a polpa pequenininha, o que faz ter um rendimento baixo, mas com alta concentração de tanino e aromas em seus vinhos.


É uma casta de uva internacional de grande expressividade, principalmente empregada na produção de vinhos tintos. No entanto, podem ser encontrados outras variedades de vinho, como espumantes. Principalmente na América do Sul.


Características: como são os vinhos Cabernet Sauvignon?


Os vinhos de Cabernet Sauvignon tintos são de cor profunda, encorpados e com muito tanino e acidez. Apresentam aromas de frutas pretas, como groselha preta e cereja preta; além de notas herbáceas, como pimentão e alcaçuz.


Quando originário de uvas de clima quente e maduras, os vinhos tem mais corpo, com taninos suaves e aromas de frutas negras marcantes e herbáceo mais suave. Por outro lado, uvas de climas frios ou pouco maduras dão vinhos mais duros, adstringentes (sensação de boca seca) e com herbáceo muito forte.

É comum os Cabernet Sauvignons de qualidade superior passarem por madeira, para suavizar os taninos e agregar aromas de baunilha, café e fumo ao vinho.

Ao harmonizar a Cabernet Sauvignon deve-se ter em mente que a casta origina vinhos potentes, com bastante corpo e tanino. Dessa forma, é ideal optar por pratos igualmente fortes.

Se a Cabernet Sauvignon for opção para um coquetel ou entrada, é necessário optar por petiscos mais fortes, como queijos duros, charcutaria e patês condimentados. Aqui vale apostar em um vinho com passagem por madeira, assim os taninos ficam mais macios e o vinho mais suave de beber desacompanhado.

Em uma refeição o Cabernet Sauvignon combina com diversos tipos de carnes pesadas e gordurosas, tanto de gado como suína, aves e caças. Exemplares mais leves e com menos corpo vão melhor com receitas de sabor intermediário, como massa com molho vermelho, risoto com linguiça, por exemplo. Molhos temperados com especiarias verdes (alecrim, manjericão e orégano) também aceitam bem o Cabernet Sauvignon por conta de suas notas herbáceas.


Sugestão bom custo benefício:

Vinho Argentino Luigi Bosca Cabernet Sauvignon Mendoza
Vinho Chileno Grey Ventisquero Cabernet Sauvignon
Vinho Americano Robert Mondavi Private Selection Cabernet Sauvignon

Tem alguma sugestão de um vinho Cabernet para mim?


Michele Maximila Rocha Sabocinski

36 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


bottom of page